La La Land Cantando Estações

Uma Busca Pelos Sonhos Movida a Música em La La Land : Cantando Estações

La La Land Cantando EstaçõesLa La Land: Cantando Estações é uma produção da Paris Filmes e dirigido por Damien Chazelle que teve quatorze indicações ao Oscar. Com um estilo giratório que foi um grande sucesso nos anos 60 com Jacque Demy.

Um filme de romance com uma bela produção musical que conta a história de Sebastian e Mia. Ele é um pianista de jazz e ela uma garçonete que sonha em ser atriz.

Sebastian ( Ryan Gosling de Diário De Uma Paixão e Amor A Toda Prova), como já sabemos é um pianista talentoso. Mas não muito sortudo. E seu sonho de vida é abrir um clube de jazz para poder fazer o que bem entender de sua música.

Mia ( Emma Stone, de A Mentira e Histórias Cruzadas) é um aspirante a atriz que vive no meio em que sonha realmente estar incluida e faz vários testes, mas a sorte não a escolheu ainda. Passa seu tempo trabalhando em uma cafeteria no estúdio da Warner Bros.

Os dois estão a espera de uma oportunidade e seguem mantendo o sonho vivo.

Então, eles estão: Mia matando tempo fazendo lattes e escrevendo uma peça única que ela espera organizar; e Sebastian ponderando o compromisso surpreendentemente lucrativo que aceita a oferta de seu amigo Keith de se juntar a uma banda de jazz

Mas em Los Angeles (e nos filmes), os sonhadores em dificuldade raramente lutam sozinhos. Então, não demorou muito para que os caminhos de Mia e Sebastian atravessassem este musical antigo, uma carta de amor cheia de canção e dança para a Era de Ouro de Hollywood (embora com poucos conteúdos assente no século XXI).

Mia e Sebastian se apaixonam. Mas o que acontece com seu romance em desenvolvimento quando seus sonhos realmente começam a se tornar realidade?

Mia (Emma Stone) e Sebastian (Ryan Gosling) cantam e dançam, riem e choram, depois cantam e dançam mais. Seu romance, que está sempre em tensão com seus sonhos individuais, deslumbes e delícias.

Por trás da comédia ágil do filme e exuberantes conjuntos musicais bate um romance complexo e bem escrito, cujo poder se arrasta lentamente sobre você lentamente na segunda metade do filme, em que as ambições e as relações de Sebastian e Mia se tornam cada vez mais difíceis de conciliar.Mas todos em La La Land estão lutando com ambição.

La La Land procura seu próprio lugar em algum lugar entre Cantando Na Chuva e Todos Dizem Eu Te Amo. Há uma colher de sopa dos musicais de Jacques Demy, e algo da dinâmica do casal em A Star Is Born. Realmente um filme que fora bem aceito e bastante elogiado por seus espectadores.

Trailer:

Next Post